8CF7211E 5A0F 48A4 9F0B 4AAD77337605 82b4e

A Universidade de Cabo Verde e o Fundo de Promoção de Emprego e da Formação (FPEF), assinaram um protocolo de cooperação para a implementação do Programa Bolsa Cabo Verde Digital que visa o financiamento de programa de incubação e aceleração de ideias de StartUp de base tecnológica, no âmbito da Estratégia Digital de Cabo Verde.

O acordo foi assinado na terça-feira, 10 de fevereiro, no Warehouse, pelo Gestor Executivo do FPEF, Danilson Fernando Borges Tavares, e pela Reitora da Uni-CV, Judite Medina do Nascimento.

Nos termos do acordo rubricado, a Uni-CV compromete-se a acolher pelo menos 5 projetos, no âmbito do Programa Bolsa Cabo Verde Digital, sendo que cada projeto poderá ter no máximo dois promotores. O Programa contempla a incubação, mentoring e acompanhamento de projetos, promoção do intercâmbio entre os empreendedores experientes e os promotores beneficiários aos quais é prestado aconselhamento empresarial, bem como promoção do networking com vista à apresentação dos projetos a investidores e a sociedades de capital de risco. 

O mesmo protocolo prevê também que o FPEF contribua para a divulgação do programa Bolsa Cabo Verde Digital e assegure o cumprimento dos procedimentos para submissão das candidaturas. O FPEF irá subsidiar cada promotor com uma bolsa mensal no valor de 30.000$00 (Trinta mil escudos cabo-verdianos), pagos no final de cada mês, por um período máximo de 6 meses. 

O Programa Bolsa Cabo Verde Digital tem por objetivo a promoção do surgimento de StartUps de base tecnológica a nível nacional. Está previsto o apoio à criação de 50 (cinquenta) StartUps por ano, 25 (vinte e cinco) por semestre, com um conjunto de apoios, iniciativas e assistência técnica. Este programa visa a promoção e o desenvolvimento da economia digital como fator de geração de rendimentos, promoção do emprego e autoemprego, junto dos universitários recém formandos, particularmente os jovens com iniciativas inovadoras, assim como a contribuição para o reforço de capacidades e competências dos recém-formados e Universidades enquanto atores determinantes na dinamização da economia digital.

Ainda no evento, os ex-estudantes da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Cabo Verde tiveram a oportunidade de fazer um pitch para Paddy Cosgrave, cofundador do WebSummit que esteve em Cabo Verde e outras entidades nacionais. As apresentações foram feitas em inglês, mostrando a abertura de Cabo Verde para o mundo.  

Da parte da Uni-CV, o evento contou com a presença da Reitora da Uni-CV, do Vice-Reitor para área do Ensino, Formação e Inovação Pedagógica, João Cardoso, do Pró-Reitor para área de Investigação e Inovação Tecnológica, Aristides Silva, do Pró-Reitor da área de Ação Social, Assuntos Estudantis e Cultura Universitária, Mário Lima, do Diretor do Gabinete de Comunicação e Imagem, Salif Silva, do Assessor para Relações Internacionais, Cooperação e Mobilidade, Bruniguel Andrade, assim como atuais e ex-estudantes da Uni-CV. 

Pin It