DSC05961.JPG

A Escola de Negócios e Governação da Universidade de Cabo Verde (ENG-UNICV) promoveu a conferência "La Langue et (E) Immigration” esta quinta-feira, dia 13 de junho, no auditório da referida Escola.

O evento que este ano assinala a 5ª edição de trabalhos em francês foi organizado pelos estudantes do 2º ano do curso de Relações Públicas e Secretariado Executivo, no âmbito da disciplina de Francês para Fins específicos IV, e presidido pelo Pró-Reitor da Universidade de Cabo Verde, João Cardoso. Contou com a presença de especialistas de diversas áreas: Diretora Geral do Instituto da África Ocidental em Cabo Verde, Djenebra Traoré, docente da Faculdade de Ciências Sociais, Humanas e Artes da Uni-CV, Saidu Bangura, Reitor da Unipiaget, Wlodzimiers Szymaniak, Vice-Reitor da Única, Virgílio Alves e Diretora Geral de Imigração, Carmem Barros.

A cerimónia iniciou-se com o momento musical em língua francesa, proporcionado por uma estudante da Uni-CV.

O Pró-reitor, João Cardoso, o Presidente da ENG, João Brito, e a Professora da unidade curricular Francês para Fins específicos IV, Maria Rosa Martins, agradeceram pela presença e deram as boas-vindas à plateia.

 “Foram os estudantes do 2ª ano quem organizou este evento, eu só apoiei”, afirmou a Professora Maria Rosa Martins, demostrando a sua satisfação pela iniciativa dos estudantes. Esse acontecimento teve como principal objetivo promover a língua, refletir sobre a importância das línguas para Cabo Verde e, consequentemente, motivar os estudantes para se interessarem cada vez mais em aprender as línguas, referiu a Professora.

“O segredo já não é a alma do negócio”, pontuou o Pró-reitor João Cardoso no decorrer da sua intervenção. Acrescentou “hoje em dia a alma do negócio é a comunicação, ou seja, uma boa comunicação”. Manifestou disponibilidade para apoiar quaisquer eventos dessa natureza.

Na opinião dos debatedores ter conhecimento em outras línguas aumenta a oportunidade de expandir os conhecimentos, é o caminho para novas possibilidades, ou seja, amplia a rede de contactos e cria diversas oportunidades. Adquirir esses conhecimentos agrega valor à vida como um todo, seja na hora de uma viagem, de fazer intercâmbios ou até para se relacionar com pessoas de diferentes culturas, afinal quem tem domínio de várias línguas “se vira bem em qualquer lugar”.

A sessão de perguntas e respostas pôs termo à 5ª edição, deixando em aberto a expetativa de outras edições.

Pin It